O mistério na vida... Circulando, fluindo... nos elementos, nas estações. Palavra que brota, agir que floresce... A luz pascal que incendeia a festa da existência. A soma dos "ires-e-vires", de homens e mulheres que celebram, se encantam, e se enredam, no cuidado com o mundo, na busca do Reino.

DESTAQUES SEMANAIS

Festa da Ascensão do Senhor – Ano A

22/05/2020

Festa da Ascensão do Senhor – Ano A

(1) Abertura: Salmo 47 + Atos 1,11

 (mel.: “Aleluia! Batei palmas, povos todos ” HIN II,p.42)

 

Ó vós todos, que pro céu olhais parados,

O Jesus de vosso meio arrebatado,

Ele, um dia, assim virá, do mesmo modo

Como o vistes ao céu sendo elevado!

 

1.Povos todos, batei palmas,

   Aclamai com alegria

   O Eterno, o Deus Altíssimo,

   Mundial soberania!

 

2.Num só povo congregou

   As nações que ele venceu;

   Deu a terra como herança

   A este povo que escolheu!

 

3.Deus subiu por entre aplausos,

   Com trombetas a tocar;

   Cantem salmos ao Eterno,

   Todos juntos, sem cessar!

 

4.Toquem músicas alegres

   Ao Eterno, rei da terra,

   Cada povo do universo

   Do seu trono ele governa!

 

5.Reuniu todas as gentes

   Com os filhos de Abraão,

   Pois só ele é Deus altíssimo,

   Tem os reis em sua mão!

 

6.Glória ao Deus que nos anima

   E a seu Filho vencedor,

   Seu Espírito é coragem,

   Força que nos libertou!

 

(2) Salmo de resposta: Salmo 47

       (2ª versão – melodia: ODC-CD I, p.34)

 

1.Batam palmas povos todos com alegria,

   Batam palmas ao Senhor!

   Celebrando o Eterno Amor com euforia,

    Batam palmas ao Senhor!  

  Pois o Altíssimo, o Amor é o mais sublime,

    Batam palmas ao Senhor!  

   Sobre a terra, nosso Deus é o rei supremo,

    Batam palmas ao Senhor!  

 

com alegria, com gratidão,

ao nosso Deus e nosso Rei a saudação!

 

2.Sobre os povos nos fez ele vencedores,

    Batam palmas ao Senhor!  

   Sob os pés nós temos hoje seus senhores,

    Batam palmas ao Senhor! 

   Escolheu pra nós a terra como herança,

    Batam palmas ao Senhor!  

   Grande orgulho do seu povo que ele ama!

    Batam palmas ao Senhor!

  

3.Vai subindo, aclamado, para o trono.

    Batam palmas ao Senhor!  

   A trombeta marcial anunciando!

    Batam palmas ao Senhor!  

   Com a harpa ao Eterno Amor, louvores,

    Batam palmas ao Senhor!  

   Porque Deus é o grande rei da terra toda!

    Batam palmas ao Senhor!  

Mateus 28,16-20

 

<<Hoje, nosso Senhor Jesus Cristo subiu ao céu: suba também com ele o nosso coração.

Ouçamos as palavras do Apóstolo: “Se ressuscitastes com Cristo, esforçai-vos por alcançar as coisas do alto, onde está Cristo, sentado à direita de Deus; aspirai às coisas celestes e não às terrestres” (Cl 3,1-2). E assim como ele subiu sem se afastar de nós, também nós subimos com ele, embora não se tenha ainda realizado em nosso corpo o que nos está prometido.

Cristo já foi elevado ao mais alto dos céus; contudo, continua sofrendo na terra através das tribulações que nós experimentamos como seus membros. Deu testemunho desta verdade quando se fez ouvir lá do céu: “Saulo, Saulo, por que me persegues?” (At 9,4). E ainda: “Eu estava com fome e me destes de comer” (Mt 25,35).

Por que razão nós também não trabalhamos aqui na terra de tal modo que, pela fé, esperança e caridade que nos unem a nosso Salvador, já descansemos com ele no céu?

Cristo está no céu, mas também está conosco; nós, embora não possamos realizar isso pela divindade, como ele, ao menos podemos realizar pelo amor que temos para com ele.>>

           Santo Agostinho

Sec. V - Sermão sobre a Ascensão, LH II, p. 828s.

4.No seu trono glorioso está sentado,

    Batam palmas ao Senhor!  

   Sobre todas as nações é seu reinado!

    Batam palmas ao Senhor!  

   Os governos se reúnem com os pobres

    Batam palmas ao Senhor!  

   Pois é Deus o dono desses poderosos!

    Batam palmas ao Senhor!

 

(3) Aclamação: Aleluia

              (ODC II, p. 361)

 

aleluia! alegria, aleluia!

aleluia! aleluia!

Ide ao mundo e ensinai a todo o povo,

Eu estarei sempre convosco, aleluia!

 

(4) Ofertório: Cristo Ressuscitou!

                    (HIN II, p. 210)

 

Cristo ressuscitou,

o sertão se abriu em flor,

da pedra água saiu,

era noite e o sol surgiu,

glória ao Senhor!

 

1.Vocês que tristes ‘stão,

   Que gemem sob a dor,

   Na dor de sua Paixão

   Deus se irmanou!

 

2.Vocês que pobres são,

   Que temem o opressor,

   Por sua Ressurreição

   Deus nos livrou!

 

3.Vocês que um Corpo são

   Unidos pelo Amor,

   Oferta, em Cristo, irmãos,

   São, ao Senhor!

 

(5) Comunhão: Sl 68b + Mt 28,19-20

     (refrão – mel.: “Ó anjos celestes, que Cristo adorais”

                 + Sl 68b HIN II, p. 48 - ODC - CD 1,46)

 

Jesus nos envia a todas as gentes:

diz: “meus seguidores a todos fazei,

e todos os dias convosco estarei!”

 

1.Eis a procissão do Rei, nosso Deus,

   /:Ao seu santuário, seguido dos seus!:/

-  À frente, cantores, atrás, tocadores,

   /:No meio vão jovens tocando tambores!:/

 

2.Uni-vos em coros, a Deus bendizei,

   Vós, moços e idosos, louvai vosso Rei!

- Ó Deus, manifesta teu grande poder,

   Ofertas e dons irás receber!

 

3.Reprime os ferozes, os fortes que

         exploram,

Que oprimem teus pobres e a guerra

          promovem.                                      

-  Do Sul e do Norte, se achegam os povos,

   Humildes se dobram, a ti, Deus, adoram!

________________________________________________________________________

CORAÇÕES AO ALTO,

COM OS PÉS NO CHÃO!

 

 

 

Essas palavras de um santo bispo de 15 séculos atrás, podem nos inspirar, ainda hoje, no sentido de vivermos plenamente a nossa “cidadania” celeste, já aqui, nesta terra de tristezas e tribulações.

Precisamos dar conta do que pedimos todo dia a Papai do Céu:

“SEJA FEITA A VOSSA VONTADE, ASSIM NA TERRA COMO NO CÉU”!

Importante e urgente é demonstrar por nossas atitudes e ações que o “céu” pode começar aqui e agora.

Mantenhamos os corações ligados no Cristo Jesus. Ele está sentado à direita do Pai, mas está sempre conosco, “até o fim dos tempos”. Por respeito à nossa dignidade e por solidariedade para com todos os nossos irmãos e irmãs, sobretudo, os oprimid@s e excluíd@s, façamos tudo quanto estiver a nosso alcance para que os direitos de todos e todas sejam respeitados. Haja justiça, paz e felicidade para todos e todas.

E o céu já começará nesta terra, pois o Reino de Deus já estará “vindo” e se realizando entre nós.

Imaginem se todo cristão, toda “cristã” vivesse cada dia, cada instante, como dia, como instante, de fazer acontecer o Céu nesta TERRA,

aqui e agora!

Mãos à obra, Companheiros e Companheiras, rumo à Terra Prometida!

Ajustando o pensamento e as palavras  de um grande Companheiro do Povo Brasileiro: Infelizmente, foi preciso acontecer uma pandemia, para muita gente se dá conta da desigualdade e das injustiças em que vivemos – ou morremos – neste nosso país, um país rico, cheio de pobreza e miséria por todos os cantos.

Cantemos com um profeta de nosso tempo:

<<Depende de nós,

se esse mundo ainda tem jeito,

apesar do que o homem tem feito,

se a vida sobreviverá!>>

 

Ivan Lins

 

DOWNLOAD DO ARQUIVO →